mochilão #10 // ARGENTINA, BUENOS AIRES



Para mim é inevitável criar expectativas. Sou tão expansiva e apaixonada que é mesmo impossível não as criar. Às vezes desiludo-me (como o caso do templo principal do complexo do Angkor Wat no Cambodja ou a ilha principal das Phi Phi na Tailândia) mas passa, aprendo a gostar ou encontro algo melhor.
Nesta viagem à América do Sul, em termos de cidades grandes, as minhas expectativas estavam elevadas com o Rio e Buenos Aires. O Rio de Janeiro por ser o que é, a cidade maravilhosa, Buenos Aires por tudo o que envolve, as cores, a dança, o ambiente meio europeu noutro continente.
Portanto, como já entenderam, a minha expectativa estava alta.

Apanhámos o barco em Colónia e duas horas mais tarde estávamos em solo argentino.
Tive de trocar uns dólares no porto e fui roubadissíma.
Pelo sistema oficial o cambio estava: 1$ - 8 Pesos, pelo azul (não oficial): 1$ - 13 Pesos.
Tinha mesmo de o fazer porque não tinha dinheiro nenhum mas arrependi-me bastante.

O nosso hostel estava bem localizado, num bairro cool cheio de restaurantes, barezinhos e lojas engraçadas. Cheio de arte por todo lado e com uma atmosfera tranquila, nada do que nos tinham dito da cidade. Pedi por informações a umas pessoas e elas ajudaram-me a enfiar num autocarro. Até aqui tudo bem, fui para pagar e o senhor pediu-me moedas: Oh senhor, acabei de chegar não tenho trocos. Uma senhora que estava ao nosso lado passou o cartão dela, duas vezes. Pagou-nos o bilhete. Quis lhe pagar e ela não aceitou. A partir daqui foi muito divertido, não conseguia parar de agradecer, todos queriam saber o que estavamos ali a fazer e ficavam impressionados com a história da nossa viagem: mochilão pela américa do sul, woow. Todos nos queriam ajudar Saímos nesta? nãaao, eu aviso  e piscava o olho.
Chegámos ao hostel, ficámos num quarto com gente super interessante. E ficámos logo todos amigos. Nos dias seguintes caminhámos pelas ruas, visitámos museus, livrarias, jardins, o cemitério da recoleta e feiras. E as principais atracções porteñas.

 Na sexta-feita encontramos-nos com um argentino que conhecemos em Roma e até fomos a uma festa de aniversário de uma amiga dele. Foi uma boa noite mas, para mim, a melhor foi mesmo a de sábado. Depois de um dia todo a caminhar pela cidade encontrei-me com aquele casal lindo que conheci em Cabo Polónio (lembram-se? Falei-vos deles aqui), tinha-lhes dito que uma coisa que sempre me lembra BA é o tango. Pois bem, levaram-me até a um edifico com ares coloniais que se chamava Catedral. Ofereceram-me uma aula de tango. Fiquei louca, AMEI a experiência. Diverti-me muito a dançar com toda a gente e passei uma noite fantástica na companhia destas duas almas incríveis que tornaram a minha passagem pela capital argentina inesquecível. Vou guardar esta experiência para sempre. Foi mágico!!
Disfrutei muito de tudo apesar de ter chovido um bocadinho e do cansaço às vezes bater com mais força. É uma cidade linda com pessoas prestáveis, simpáticas mas metediças. 
De todas as maneiras é para voltar, sim ou sim!!!

Depois de um fim-de-semana cheio de novidade e alegria decidimos seguir viagem para o Chile. Tinha ficado decidido que seria só uma amostra, a passagem pela Argentina. Numa próxima viagem quero conhecer mais deste país, quem sabe morar por um tempo. E conhecer a linda Patagónia.

Com o coração cheio seguimos viagem para o próximo país, numa viagem de 17 horas.
ufaaaa

próxima paragem: Chile


//
Having expectations to me is just unavoidable. I'm so into it that it's just impossible not to create them. Sometimes I end up disappointed (like that time with the main temple of Angkor Wat on Cambodia or the main island of Phi Phi on thailand) but it's alright, either i learn to like it or I just find something better.Coming to South America, my expectations were higher in Rio and Buenos Aires, as far as cities go. Rio de Janeiro just for what it is, a wonderful city, Buenos aires for what it's all about, the colors, the dancing, the "not in europe" european feel. So as you can see my expectations were up there again.
Picking up a boat in Colónia and two and a half hours later we were in argentine soil.
I had to trade some dollars at the docks, and man was I robbed! In the official system the exchange rate was: 1$ - 8 pesos, the non official: 1$ - 13 pesos. I had to do it because I had no money, but it hurt.
The hostel was in an overall good location, cool neighborhood with restaurants, bars, and cute stores. There's art all over the place and a pretty chill feel, nothing like what i've been told about this city. Asking for information some people helped me get into a bus. So far so good, when I'm paying for it, the guy is asking me for coins: Dude, I just got here, I aint got no change. A lady next to us swings her card, twice, paying us the ticket, I wanted to pay her back but she didnt take it. From this point forward was just fun, I couldn't stop thanking, everyone wanted to know what we were doing there and were very impressed about our adventure: triping in South America, whatz uuup. Arriving at the hostel, we stayed in a room filled with interesting people, we were friends in no time. The next days we walked trough the streets, visited museums, bookshops, gardens, the recoleta graveyard and  some markets.
 On Friday we were meeting up na argentine that we'd met in rome and we even went to a birthday party of a friend of his. It was a good night but, to me, the best one was Saturday's for sure. After a long walking through the city day I was meeting that beautiful couple I met in Cabo Polónio (remember? Told you about them here), I had told them that one thing that always reminds me of Buenos Aires is tango. Well, they took me to this building called Catedral. Offering me a tango class. I loved the experience. I had so much fun dancing with everyone, and spent such na amazing evening with these two wonderful souls that made my stay in argentina's capital unforgettable. I'm saving this experience forever. It was magical!!
I enjoyed pretty much everything, even with a bit of rain and tiredness sometimes hitting a little harder. It's a beautiful city with helpful people, nice but meddlesome.Anyway, I'll be back!!!
 After a weekend with so much new stuff and joy we decided to move on to Chile. It was decided before hand that we were just stopping by Argentine. Sometime in a future trip i'm looking forward to know more about this country, even live there for a while, who knows. Oh and I still have to go to Patagonia.
 With a filled heart we moved on to the next country, on a 17 hour journey. Jeeez
 Next stop: Chile






































































follow me on instagram
Share:

3 comentários

  1. Adoro as tuas fotografias cada vez mais <3

    http://photographybyvania.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Que lugares lindos

    http://blogmacaecanela.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Fotos fantásticas e um óptimo destino!
    Curiosidade pela próxima paragem, Chile.

    Boa viagem.

    http://checkout-fashion.blogspot.pt

    ResponderEliminar

i heart you.

K.

© K A R K O V A | All rights reserved.