erasmus lifestyle #49 // ''animação não falta e é para todos os gostos''

Como já devem ter reparado a minha vida é preenchida de episódios caricatos. Ora bem, o dia de ontem foi possivelmente um dos piores dias do meu erasmus. Vou voltar atrás até segunda-feira para perceberem BEM o que se anda a passar comigo e com os meus, aqui por Barcelona. 
No domingo só dormi quarenta e cinco minutos porque não tinha sono, fui á aula e o professor bastante simpático disse que ia falar em catalão. Há noite fomos á Apolo com a J, a nossa nova amiga portuguesa, as nasty mondays são muito conhecidas por estes lados e estava cheio cheio cheio, nesse espaço roubaram-me o telemóvel. Na terça-feira não fui ás aulas porque (ao que parecia) ainda tinha bastante álcool a correr nas veias e não tinha condições de me apresentar numa aula. Nessa noite fiquei por casa a navegar na internet até que reparei que ao não ter telemóvel também não tinha despertador, ninguém estava acordado para me emprestar um por isso não dormi para não ter de faltar á aula. Na quarta quando cheguei á aula estava morta (claro) passou muito devagar e tinha de ir comprar um telemóvel. Voltei para Barcelona e passou-se uma coisa bastante romântica. Duas paragens antes da minha entrou um rapaz U A U. Era meio loiro, com uns caracóis queridos, um casaco preto e amarelo e um skate debaixo do braço. Foi um dos rapazes mais giros que já vi em Barcelona, está ao mesmo nível que o !, e eu achava que era difícil. Parou a olhar para mim e entrou na carruagem (mas não sabia que era a minha). Quando estava a chegar, levantei-me e quando me viro lá estava ele. Sai e ia nos meus pensamentos ''nunca mais o vou ver, era mesmo giro'', nas escadas rolantes senti um encontrão, viro-me para trás agressivamente eeeeeeeeeeee estava ele coladíssimo. Recebi um sorriso e retribui. Saímos e íamos para lados opostos, até que ele olhou para trás e eu segui pelo mesmo caminho. Quando levanto a cabeça estava ele parado a olhar para mim. Subi as escadas e quando cheguei cá cima não o vi mais. Fiquei sinceramente triste. O P diz que é uma história romântica e que devia fazer o mesmo trajecto para a semana. Tentar não custa não é :p
Entretanto fui á loja da Yoigo comprar, já tinha tudo até carregado o cartão e o meu cartão de crédito foi recusado. Liguei ao meu pai e ele disse que tinha dinheiro (não era novidade, eu tinha confirmado pela internet que ele me tinha posto) e que ia ao banco ver o que se passava. Pedi desculpa e voltei para casa. Dormi até á hora de jantar e a K veio fazer comida sueca para todos. Comemos e bebemos até ás duas da manhã e fomos para o Razzmatazz, Dirty Dancing :) foi uma boa noite, bebemos á borla porque o barman é nosso amigo [graças a deussssss!]e quando saimos ficamos á espera dele. Eu e a K estávamos a conversar com um catalão que tinha a mania mas depois acabamos por ficar amigos. O A nunca mais saia e fomos embora, já não havia ninguém na rua, eu e a K vínhamos mais á frente. O L e a S vinham a conversar mais atrás. Reparei num rapaz (meio cigano) a vir na nossa direcção, desviei-me e na estrada comecei a chamar a S para se despacharem, o rapaz passou e voltou atrás de nós.. passa outra vez e vem na nossa direcção ( SIM ESTAVA CHEIA DE MEDO) pergunta as horas e a K que estava mais perto dele puxa o casaco e o FILHO DA PUTA PUXOU-LHE A MALA. Eu dei-lhe três socos com o meu anel, a K arranhou-lhe a cara, mas ele com três puxões conseguiu levar a mala, a S e o L vieram a correr, eu e a K começamos a correr atrás dele (mas ele era uma verdadeira gazela) começou-me a faltar o ar... a S deixou a mala no chão e gritou-me para eu parar e ficar com a mala dela, (não tinha a bomba da asma). Não conseguimos apanha-lo, ainda demos a volta ao quarteirão ver se a mala estava largada (visto que só tinha recordações da viagem que fez á América Central, 50 cêntimos e os cartões.) Não encontrámos nada. Fomos para a praça da catalunha para ir á polícia e mandaram-nos voltar uma hora depois, (eram sete da manhã), comemos qualquer coisa por lá e viemos para casa. Entretanto esta casa estava cheia de bêbedos chatos e tivemos a atura-los até ás 10 da manhã. Fui comprar o meu telemóvel e vim dormi. A J veio aqui a casa ás 14.30h e tivemos a conversar na minha cama. (Por circunstâncias da vida a S estava a dormir comigo). Acordei às 20h, comi e agora vou tomar um banho e dormir porque isto não é vida para ninguém.
Grande sorte que temos não é? Enfim

[Quando acordei a S mostrou me uma carta que os nossos vizinhos nos escreveram...está em inglês e em espanhol, a parte mais gira diz: THIS IS SPAIN, NOT A JUNGLE. amanhã ponho aqui]
Share:

3 comentários

  1. Autch... A tua vida é cá uma aventura ! Pena que também tem cenas de autêntico terror :x

    [ eu também acho que deves fazer de novo o percurso :D só porque sim claro ! ]

    Beijinho *

    ResponderEliminar
  2. OMG *.*

    Coitada de ti!
    Que cena marada, foi um grande começo de semana hein ?

    ResponderEliminar

i heart you.

K.

© K A R K O V A | All rights reserved.